Em: 22 de agosto de 2018 as 15:05

II Sarau Literário destaca cultura local e produz espaço para debate sobre sociedade atual

Na tarde desta quarta-feira, 22, o Centro de Cultura José Coriolano se transformou em uma fabulosa arena cultural. O local foi palco para a realização do II Sarau Literário, que foi organizado pela Professora de Língua Portuguesa da Escola Municipal Adalberto Nobre de Siqueira, Vivianne Caldas, em parceria com a Secretaria de Cultura e Turismo. O evento reuniu docentes e alunos da rede municipal, poetas locais, a banda fanfarra do grupo religioso Santa Terezinha e ainda contou com a participação especial do cordelista Manoel Cavalcante.

O sarau discutiu temas como a diversidade, o respeito à pluralidade de ideias, os direitos dos trabalhadores, o cenário político atual do país e a crise que atravessa o estado do Rio Grande do Norte. Declamação de poemas e lançamento de um livro produzido pelos próprios estudantes da escola estiveram no centro da exposição. Reunindo tantos jovens, o espaço proporcionou visibilidade aos talentos da terra, manifestou uma ação objetiva e participativa, além de ter estimulado o público presente no contexto do evento.

As portas do auditório da Secretaria de Cultura e Turismo estampam a imagem e um dos versos do poeta Pedro Ezequiel de Araújo, que faleceu no último dia 05 de agosto aos 95 anos. Em detrimento disso e de seus relevantes conhecimentos e prestabilidade ao município de Ipanguaçu, o evento homenageou o nobre conterrâneo, que marcou sua geração com a publicação de livros e expôs um perfil idealista do homem que tinha a intensiva defesa pelas causas sociais na cidade.

Englobando os campos da arte, cultura e educação, o espetáculo de apresentações e discursos foi bem-sucedido e contribuiu para o processo de aquisição de novos entendimentos e para enfatizar o comprometimento da gestão municipal com a difusão da cultura, de seu papel de protagonismo no município e de todo o suporte necessário ofertado para expandir a coletividade e discussão entre os indivíduos, o apreço aos costumes tradicionais, a relação de diálogo com todos e a exploração sobre a história de Ipanguaçu e seus artistas.

Participaram deste momento, a Secretária de Educação, Jeane Dantas, o secretário do Gabinte, Yuri Feldman, na ocasião representando o Prefeito Valderedo Bertoldo, coordenadores, professores e comunidade escolar em geral.

Fonte/Fotos: Núcleo de Comunicação

Últimas manchetes